Print

Abertura

quadroPintura de Ivan Campos, um dos maiores artistas plásticos do Acre, que retrata nossa floresta de maneira muito fina.

A gestão do jovem prefeito de Rio Branco Jorge Viana deu atenção muito especial à cultura por meio de artistas como Hélio Melo e Ivan Campos. Com a ajuda do Toinho Alves, à frente da gestão cultural, e do então verador Marcos Afonso, Rio Branco passou a ter a primeira Lei de Incentivo do Acre, que revolucionou a produção cultural na capital e serviu de modelo para todo o estado. Pois, como sempre fala o senador Jorge Viana, “quem quiser uma real transformação tem que trabalhar com a cultura”.

Essa é a quarta revista do mandato do senador Jorge Viana. E é muito especial, por alguns motivos. Em primeiro lugar, porque trata de alguns temas do ano de 2014 e do trabalho realizado ao longo de 2015. Segundo, porque estes são anos difíceis, de crise econômica e política. Ousadamente, a revista ainda se propõe a contar um pouco da história da presença acreana no Congresso Nacional. Acreditamos que essas características tornam a publicação interessante para os que acompanham o trabalho de Jorge Viana no Senado Federal e também para os que querem conhecer melhor a história do Acre no parlamento brasileiro.